10 de outubro de 2019

“Odeio minha voz” é algo que ouvimos o tempo todo. Essa é uma reclamação que surge nas conversas com os criadores de podcasts. Já vimos vários tweets falando isso. Recebemos DMs e pedidos de ajuda. “Minha voz é muito estridente. Eu gaguejo demais. É muito irritante.”

Para muitas pessoas, o som da própria voz é um obstáculo real que impede a criação de um podcast. Eu quero, mas não consigo ouvir minha voz. Não tenho uma voz para podcast.

Uma coisa é certa para você que está pensando em começar um podcast ou que já tem um:

Todas as vozes são perfeitas para podcasts.

Você não é a única pessoa que fica desconfortável com o som da própria voz. Na verdade, há uma explicação científica para isso, mas seja qual for o motivo da sua insegurança, não há uma sonoridade “certa” quando você cria algo. Sua voz é única, e é exatamente isso que a torna especial.

Se você tem um podcast ou quer começar um, é porque tem algo a dizer. Você tem uma história para contar que é só sua. Suas ideias são sua identidade, e vale a pena compartilhar todas elas com o mundo. É o mesmo com sua voz. Não importa o som, ela é uma expressão particular de diferentes emoções e reflete seu ponto de vista único. Sua voz é um meio poderoso de compartilhar ideias, além de ser fiel à sua personalidade. Portanto, não tenha vergonha dela. Não há maneira melhor de contar sua história, e não há ninguém melhor para fazer isso do que você.

Na Anchor, acreditamos que todas as pessoas podem criar coisas incríveis com as ferramentas certas. Nossa missão é democratizar o áudio, porque todas as vozes merecem a oportunidade de serem ouvidas. É por isso que ajudamos na criação de podcasts em mais de 169 países e em mais de 475 idiomas. Com tantas vozes novas para podcasts, há infinitas possibilidades de som, fala, tom e ritmo. E todas são bem-vindas! Sua voz fala por si só. Não importa de onde você vem ou como soa.

Sua voz é adequada. É uma maneira de se conectar com outras pessoas e um meio de mostrar quem você é. Sua voz é uma vantagem, nunca um obstáculo. Ao compartilhar com o mundo, você inspira outras pessoas a fazer o mesmo.

Conversamos com alguns dos nossos podcasters favoritos sobre o processo de aceitação da própria voz e perguntamos como eles encontraram as vozes deles. Descubra o que eles disseram.

Tiny Leaps, Big Changes
é um podcast de desenvolvimento pessoal comandado por Gregg Clunnis que aborda estratégias diárias para definir metas e melhorar como pessoa. Gregg diz que aceitar a própria voz é uma questão de prática e perseverança. “Pratique” e “não fique apenas se julgando”. Se você continuar criando e publicando conteúdo, o feedback positivo com certeza virá, das pessoas e de você mesmo.


Kristen and Ch(ill) é um podcast de humor comandado por Kristen Carney que fala sobre os conflitos do cotidiano, com foco na depressão e na saúde mental. Ela diz que “encontrar a própria voz é como procurar os óculos que estão na sua cabeça”. O que torna você especial já faz parte de você. O segredo é aprender a usar a voz sem se preocupar com a opinião dos outros.

Para se inspirar e criar ânimo, confira alguns podcasts que ajudam a manter a positividade ao longo da jornada criativa:

Ei, você que tem uma voz para podcast: o que acha de começar o seu? Crie algo maravilhoso com o Anchor, o jeito mais fácil de produzir podcasts de graça. E como de costume, fique à vontade para enviar seu feedback por e-mail, Twitter ou Instagram.